Um cidadão português encontra-se isolado no navio cruzeiro Diamond Princess.

Adriano Maranhão de 41 anos, tripulante exerce a profissão de canalizador no navio cruzeiro está “preso na cabine” conforme mencionou a sua esposa em declarações a vários órgãos de informação.

Num teste à saliva o resultado deu positivo. Aguarda-se agora a confirmação.

A bordo já foram detetados mais de 600 casos positivos no navio que se encontra em quarentena no Japão.

A mulher do tripulante do Diamond Princess está indignada com a falta de apoio do estado ao marido.

(Visited 1 times, 1 visits today)